Os responsáveis dos dois clubes estão interessados em transferir o local da final para o norte do país. Mário Carneiro, presidente do Desportivo de Chaves, em declarações à Rádio Renascença, confirmou contactos entre o clube transmontano e o FC Porto tendo em vista a alteração do local do jogo para o norte de Portugal.

A Federação Portuguesa de Futebol reagiu por intermédio do vice-presidente Amândio Carvalho, que alertou para o facto de os regulamentos estipularem que a final da Taça de Portugal se realize no Estádio Nacional e que apenas um motivo de força maior poderá alterar o regulamento.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.