A formação de Quim Machado mostrou-se bastante apática durante todo o jogo e, mesmo com mais um desde os 68 minutos, esteve a perder até perto do final: restabeleceu a igualdade aos 86 e conseguiu a reviravolta já nos descontos.

A equipa da casa começou mais irrequieta, com mais iniciativa de jogo e ameaçou inaugurar o marcador aos 19 minutos, num remate de Vítor Hugo que surpreendeu o guardião Marco Sousa e quase entrou.
Aos 25 minutos, a formação da II divisão conseguiu marcar, por intermédio de Branco, que correspondeu da melhor maneira a um livre na direita, cabeceando para o fundo das redes da baliza forasteira.

Em desvantagem, a equipa de Quim Machado procurou inverter a tendência de jogo, mas não conseguiu levar perigo à baliza adversária, enquanto os locais tentaram o segundo golo, sobretudo em lances de bola parada.

No segundo tempo, o Feirense esteve próximo de igualar o encontro aos 49 minutos, com uma iniciativa na direita de Gonçalo Lopes a deixar a defesa da equipa caseira em apuros.

Aos 57 minutos, foi a vez do Anadia responder, com o avançado Diogo André a conseguir um bom passe para Tiago Borges, que, em posição privilegiada, falhou o remate e desperdiçou a oportunidade de dilatar o resultado.

A equipa da casa passou a jogar com 10 elementos após expulsão de Paulo Adriano, por acumulação de amarelos, e, já perto do final, o Feirense igualou a partida, por Diogo Fonseca, aos 86 minutos.
Nos descontos, a formação de Santa Maria da Feira arrumou as contas da partida, ao carimbar a reviravolta no marcador, com um golo de Roberto (90+1 minutos).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.