"Acima de tudo, há que sentir orgulho por aquilo que conseguimos fizer. Não envergonhámos ninguém. Os alentejanos que aqui se deslocaram terão ficado orgulhosos da sua equipa", disse o técnico à Sport TV.

"Todos desfrutámos da exposição por defrontar uma grande equipa, que demonstrou todo o seu potencial. Sublinho o respeito do treinador Villas Boas pela equipa da Juventude, ao apresentar este “onze”. Deixou-nos muito satisfeitos e agradecemos-lhe por isso", sublinhou.

Miguel Ângelo, em forma de elogio à sua equipa, disse que "já houve equipas superiores que sairam do Dragão com um resultado mais pesado".

O FC Porto venceu, facilmente, o Juventude de Évora da II Divisão por 4-0, com golos de Falcao, Moutinho, Alvaro Pereira e Walter, e já está nos quartos-de-final da Taça de Portugal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.