O presidente do Paços de Ferreira, Carlos Barbosa, gostou de saber que a equipa vai jogar a quarta eliminatória da Taça de Portugal em futebol na Mata Real, pouco importando, acrescentou, que o adversário seja o Nacional, igualmente da Liga.

«Sorteio é sorteio e temos de estar preparados para jogar com qualquer equipa», disse o dirigente, numa curta reação ao sorteio hoje realizado em Lisboa.

Carlos Barbosa lembrou que o objetivo do Paços de Ferreira é «tentar chegar o mais longe possível» numa prova em que já foi finalista vencido em 2008/09, após eliminar nas meias-finais o Nacional, adversário que voltaria a eliminar em 2010/11, nas meias da Taça da Liga.

O presidente pacense limita-se a dizer que tem «boas recordações» do Nacional, mas recusou favoritismos de qualquer espécie.

«Já conseguimos bons resultados frente ao Nacional, de quem temos boas recordações, mas só isso. O que posso dizer é que é melhor jogarmos em casa», concluiu Carlos Barbosa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.