João Pedro Sousa lamentou o golo no último dos cinco minutos de desconto na Luz, que ditou a derrota do Famalicão frente ao Benfica, na primeira-mão da meia-final da Taça da Liga. Na análise ao jogo, o técnico explicou como o Famalicão fez a reviravolta na Luz e o que faltou para sair da casa do Benfica com um empate ou mesmo vitória.

O Benfica venceu, na noite desta terça-feira, o Famalicão por 3-2 em jogo da primeira mão da meia-final da Taça de Portugal de futebol, disputado no estádio da Luz, Lisboa, com o golo do triunfo a chegar já nos descontos.

O Benfica adiantou-se no marcador aos 53 minutos, com um golo de Pizzi, de grande penalidade, mas o Famalicão deu a volta ao resultado com golos de Pedro Gonçalves (60) e Toni Martínez (73). Os ‘encarnados’ acabaram por voltar à vantagem com golos de Rafa, aos 78 minutos, e Gabriel, aos 90+5.

O jogo da segunda mão da meia-final da Taça de Portugal está agendado para terça-feira, dia 11 de fevereiro, às 20:45, em Vila Nova de Famalicão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.