O presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) disse hoje à Lusa que a instituição fica "muito satisfeita" pela decisão de terminar com os programas de comentário desportivo na SIC.

Segundo Luciano Gonçalves, esta "é uma boa notícia para o futebol no seu todo, não só para a arbitragem", porque "este tipo de programas não estava a fazer bem ao futebol nacional".

"[Temos de] Dar os parabéns pela decisão e coragem às direções de informação dos canais que o fizeram ou venham a fazer", reforçou.

Segundo o dirigente, os programas incentivavam "ao ódio e violência" e pautavam-se pela "falta de ética e falta de respeito, pelos intervenientes diretos no programa e não só".

"Parece-me claramente, e é essa a minha leitura, que isto é um sinal. Parte da comunicação social já está a fazer um esforço para que se possa alterar este tipo de comportamento e ambiente. Cabe a todos os agentes, incluindo a arbitragem, conseguir alterar verdadeiramente o ambiente que só prejudica o futebol no seu todo", declarou.

Luciano Gonçalves deixa ainda críticas à Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), que "nada fez ao longo dos anos para que isto se alterasse". "Felizmente, esses canais deram esta resposta muito positiva", acrescentou

Na segunda-feira, o diretor de informação da Impressa, Ricardo Costa, disse à Lusa que foi decidido descontinuar os programas de desporto "Play Off", de 2014, e "Dia Seguinte", de 2003, a partir da próxima semana, data que a TVI24 vai, segundo a imprensa, terminar também os conteúdos similares na sua grelha.

"Esse ambiente de toxicidade que se foi criando à volta deste tipo de programas, e para o qual contribui muito os próprios clubes e as suas máquinas de comunicação, coloca-nos perante uma situação de que chegou a altura de terminar este tipo de programas na SIC Notícias", explicou o diretor de informação da Impresa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.