A formação que vencer esta eliminatória vai medir forças nas meias-finais com o vencedor do embate entre a Austrália, quarta classificada no Rio2016, e a Argentina, campeã olímpica em Atenas2004, terceira em Pequim2008 e quarta em Londres2012.

Do outro lado do quadro, só com equipas europeias, a estreante e campeã europeia em título Eslovénia, de Luka Doncic, que hoje venceu a Espanha por 95-87, vai medir forças com a Alemanha, cujo melhor registo olímpico é o sétimo lugar de Barcelona1992.

Por seu lado, a França, vice-campeã olímpica em Londres1948 e Sydney2000 e que já venceu os Estados Unidos em Tóquio2020, encontra a Itália, medalha de prata em Moscovo1980 e Atenas2004.

Os encontros dos quartos de final estão agendados para terça-feira, com as meias-finais a realizaram-se na quinta-feira e a final e o jogo de apuramento do bronze no sábado.

Na história do torneio de basquetebol dos Jogos Olímpicos, foi a primeira vez que a fase a eliminar foi determinada por sorteio, realizado após a conclusão da fase de grupos, mais precisamente da terceira jornada do Grupo C.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.