O governo da Polinésia Francesa cancelou todos os testes em Teahupo'o, local previsto para a competição de surf nos Jogos Olímpicos de Paris2024, depois de uma barcaça danificar um recife de coral.

A informação foi avançada pela Federação Internacional de Surf (ISA), explicando que o incidente aconteceu na última sexta-feira, levando o governo local a parar os testes para o evento e a optar por “avaliar todas as opções possíveis”.

A antiga torre destinada aos juízes não cumpria os preceitos legais, razão pela qual o governo local e a organização de Paris2024 terem avançado para a construção de uma nova estrutura nas águas de Teahupo'o.

A ISA lembrou hoje em comunicado, que desde o início da proposta para que o surf tivesse lugar na Polinésia francesa, existiu da parte do organismo “a prioridade de proteção do ambiente natural existente”.

Por esse motivo, a Federação saudou também a decisão do governo em “interromper os testes”, intensificando a consulta de opções.

A competição de surf em Paris2024 deveria decorrer em Teahupo'o, entre 27 e 30 de julho.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.