O ABC de Braga foi a Lisboa vencer o Sporting por 23-26 em jogo a contar para a 17ª jornada. Depois de ter perdido, em casa, na primeira volta, o ABC/UMinho venceu o Sporting CP por 23-26, em jogo relativo à 17ª jornada do Campeonato Andebol 1. No Municipal do Casal Vistoso, entrou melhor o Sporting CP (2-0), mas depressa os bracarenses equilibraram a partida; ao fim de quinze minutos com poucos golos de parte a parte, a equipa visitante vencia por 3-5. Com sete minutos para jogar, Nuno Grilo viu o cartão vermelho e os "leões", com cinco golos sem resposta, deram a volta ao marcador (10-8). O ABC/UMinho reagiu e nova reviravolta no marcador, que levou os bracarenses a vencer por 11-12 para o descanso. O jogo retomou com os comandados de Zupo Equisoain a repor a igualdade; os minutos seguintes foram de grande equilíbrio e, ao fim de dez minutos, o ABC/UMinho voltou a sair na frente do marcador (14-16), mas nova reacção verde e branca refez a igualdade (20-20) a meio da segunda parte. Nos últimos quinze minutos, os comandados de Carlos Resende assumiram definitivamente o comando do marcador e o Sporting CP já não conseguiu evitar a derrota em casa, por 23-26, num jogo que terminou com quatro cartões vermelhos.

O SL Benfica teve de se empenhar para conseguir chegar à vitória na visita ao Delta Belenenses. No Restelo, melhor entrada para a equipa da casa (5-3), que liderou o marcador durante os primeiros dez minutos; a formação liderada por Mariano Ortega deu a volta ao marcador (8-9) e segurou a vantagem até ao minuto 25, altura em que o Delta Belenenses voltou a passar para a frente e até saiu para intervalo a ganhar 16-15. Igualdade reposta logo no início da segunda parte e os minutos seguintes foram marcados por grande equilíbrio em campo. A meio da segunda parte, o Benfica saiu, novamente, na frente (21-25) e foi mantendo a curta vantagem, mas a equipa da casa não desistiu e voltou a anular a diferença, 29-29, com dois minutos para jogar. Num final de jogo de nervos, no último minuto de jogo, o Delta Belenenses ainda empatou (30-30) e só nos últimos segundos o SL Benfica conseguiu assegurar a vitória, por 30-31.

O Águas Santas Milaneza venceu por tangencial 30-29, na deslocação ao Funchal. O jogo foi, como se esperava, muito disputado e o equilíbrio em campo foi a nota dominante. Ao intervalo, Madeira Sad e Águas Santas Milaneza estavam empatados a 14 golos; na segunda parte, a história do jogo manteve-se, sem que nenhuma das formações conseguisse impor o seu jogo e foi já nos instantes finais do encontro que os comandados de Paulo Faria garantiram a vitória pela diferença mínima.

No Pavilhão Eduardo Nunes, depois do equilíbrio nos dez minutos iniciais, o AC Fafe adiantou-se no marcador e, até ao intervalo, o AA São Mamede não conseguiu recuperar e o AC Fafe foi para o descanso a ganhar por 14-8. O segundo tempo acabou por ser, novamente, mais equilibrado, mas o AA São Mamede não conseguiu recuperar e não conseguiu ameaçar a vitória do AC Fafe, por 29-21.

No último jogo da noite, o Arsenal/ LXS Group perdeu em casa com o Boa Hora FC/ROFF. Excelente início de jogo para a equipa da casa (6-0), seguido de uma igualmente notável recuperação da equipa de Lisboa, que deu a volta ao resultado (6-8). Até ao intervalo, o jogo decorreu muito equilibrado e as duas equipas foram para intervalo empatadas a 13 golos. O encontro manteve-se muito disputado nos primeiros cinco minutos; a partir daí, o Boa Hora FC/ROFF passou para a frente do marcador. A equipa da casa já não conseguiu recuperar e a equipa lisboeta segurou a vantagem até ao final do jogo, vencendo por 24-29.

O encontro FC Porto e AA Avanca foi adiado para 18 de Janeiro e o jogo entre SC Horta e ADA Maia-Ismai, para 14 de Fevereiro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.