A Suécia juntou-se hoje à Espanha como finalista no Campeonato da Europa de andebol, a decorrer na Hungria, ao bater nas meias-finais da competição a França, atual campeã olímpica, por 34-33.

Na MVM Dome de Budapeste, a França entrou 'a todo o gás' e chegou num ápice a 5-1, após o que os suecos foram pouco a pouco reentrando no jogo, empatando a 10-10, para chegar ao intervalo já com 17-14 a seu favor.

A segunda parte mostrou uma França assumidamente ao ataque, só que nunca conseguindo sequer chegar à igualdade, 'esbarrando' com uma exibição monumental de Palicka na baliza dos nórdicos - 12 defesas.

Com nove golos, o 'artilheiro' maior dos suecos foi Jim Gottfrison, mais dois do que Lucas Pellas. Do lado francês, Aymeric Minne e Hugo Descat chegaram aos oito golos.

O início de jogo dos gauleses parecia apontar para outros números, mas depois somou alguns desacertos, nomeadamente com os guarda-redes, que permitiram aos suecos chegar ao intervalo com o avanço de três pontos, nunca depois anulado.

O empate esteve à vista a 56 segundos do fim, quando, mais uma vez, Palicka 'salvou' os suecos, defendendo um remate de Fabregas.

A Suécia, que já ganhou por quatro vezes o título europeu, joga no domingo a final contra a Espanha, atual bicampeã continental da modalidade.

Imediatamente antes jogam para o terceiro lugar a França, campeã olímpica, e a Dinamarca, campeã mundial.

Portugal participou neste Europeu disputado na Hungria e Eslováquia, somando três derrotas e o 19.º lugar na classificação final.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.