O andebolista Elohim Prandi, jogador do Paris Saint-Germain, encontra-se hospitalizado, depois de ter sido esfaqueado várias vezes na noite de Ano Novo, informou hoje o clube gaulês em comunicado.

“Elohim Prandi foi vítima de uma violenta agressão na noite passada, em Paris, tendo sofrida várias facadas”, precisou o Paris Saint-Germain.

O internacional gaulês, de 23 anos, encontra-se fora de perigo, mas continua em observação, sendo que o seu estado “não inspira inquietude”.

“O PSG manifesta a sua indignação perante esta agressão e dá todo o seu apoio a Elohim Prandi e à família para atravessar estes momentos”, acrescentou o clube parisiense.

O caso está a ser investigado pelo polícia de Paris, sendo que, segundo o diário gaulês Le Parisien, as agressões ocorreram no distrito oito da capital, um bairro situado a norte dos Campos Elísios.

Prandi estava nos convocados da França para disputar o Europeu de andebol de 2022, que se realiza na Hungria e na Eslováquia, de 13 a 30 de janeiro, mas renunciou à competição, depois das agressões de que foi alvo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.