O governo espanhol manifestou hoje o seu apoio à candidatura conjunta de Espanha e Portugal à organização do Campeonato da Europa de andebol de 2028, que ambos os países já submeteram à federação europeia (EHF).

A posição foi assumida durante um encontro realizado entre o presidente do Conselho Superior de Desporto (CSD), José Manuel Franco, e da Federação Espanhola de Andebol, Francisco Blázquez.

“O CSD, o Ministério da Cultura e do Desporto e todo o governo vão apoiar apaixonadamente a candidatura”, afirmou Franco, enaltecendo a capacidade do país em organizar grandes eventos e a enorme tradição do andebol com mais de 100 mil praticantes.

Portugal e Espanha pretendem organizar em conjunto o Euro2028 de andebol, pelo que enviaram à Federação Europeia de Andebol (EHF), em outubro de 2020, uma pré-candidatura para o efeito.

Para além da pré-candidatura ibérica, a EHF recebeu mais sete propostas para organizar a competição, que vai decorrer entre 13 e 30 de janeiro de 2028.

Há seis países que pretendem organizar o evento a título individual - Bélgica, Croácia, Estónia, França, Suíça e Suécia – e uma outra candidatura conjunta da Noruega e Dinamarca.

A atravessar um bom momento no panorama competitivo do andebol a nível internacional, quer de seleções quer de clubes, Portugal pretende voltar a receber a elite mundial, depois de ter organizado o Mundial em 2003.

A EHF reúne em junho para analisar as pré-candidaturas submetidas e divulgará em novembro a proposta ganhadora.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.