O Madeira SAD bateu hoje no Funchal as suíças do LK Zug Handball, por 28-21, ganhando boa vantagem na eliminatória logo na primeira mão dos oitavos de final da Taça Europa feminina de andebol.

Francisca João, com seis golos, foi a melhor marcadora de um jogo que deixa o Madeira SAD muito bem encaminhado para os quartos de final da competição.

A formação do Zug só conseguiu equilibrar a partida nos primeiros 30 minutos, chegando ao intervalo a perder por dois golos, com 13-11. Na segunda parte, a diferença alargou até aos sete golos.

O Zug liderou o jogo ainda na primeira parte, por 3-2, aos sete minutos, numa fase de jogo em que o ataque madeirense esteve muito perdulário. Depois, o Madeira SAD melhorou no plano ofensivo e passou para a frente, com três golos de seguida.

As suíças ainda chegaram a 7-6, a meio da primeira parte, e o jogo estava empatado, 9-9, no minuto 22, antes das insulares tomarem conta do encontro.

O Madeira SAD ainda consentiu o empate a 14-14, após o que esteve mais determinado no ataque e concentrado na defesa, sempre muito bem apoiado pelo público.

Depois de chegar a 18-14 num ápice, ficou claro que a vitória era da equipa lusa, que liderava por 20-15 ao minuto 43 e por 22-16 ao minuto 46.

Tudo corria bem à equipa treinada por António Florido e o marcador atingiu novo diferencial máximo, com 26-18, aumentando a diferença para oito golos.

Até ao fim as suíças ainda 'encurtaram' um ponto, mas a vitória estava assegurada e as insulares ficaram muito perto de uma histórica passagem aos quartos de final.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.