O judoca português Anri Egutidze (-81 kg), de origem georgiana, entra na luta pela medalha de bronze nos Europeus de Telavive, depois de hoje ter sido eliminado no combate de acesso às meias-finais.

Egutidze (17.º do mundo) venceu os dois primeiros combates, com vitórias frente ao cipriota Phedias Konnaris (358.º), por ippon, e com o montenegrino Arso Milic (117.º), eliminado com três castigos.

Ao terceiro combate no centro de convenções de Telavive, que lhe daria acesso à meia-final, o judoca do Sporting perdeu com o italiano Antonio Esposito (32.º), que segurou o waza-ari alcançado a pouco mais de dois minutos do final.

O judoca português ainda ‘forçou’ dois castigos ao italiano, que optou por defender a vantagem, com um judo passivo, mas, com a contagem do cronómetro a correr, foi insuficiente para virar o resultado.

Anri Egutidze vai defrontar no primeiro combate na zona de repescagem o francês Alpha Oumar Djalo (46.º). Em caso de vitória lutará pelo bronze com um dos dois judocas eliminados nas meias-finais.

Também hoje, nos Europeus, Jorge Fernandes (54.º) e Nuno Saraiva (72.º) competiram, nos -73 kg, com o primeiro a ser eliminado pelo estónio Oscar Pertelson (135.º), no ponto de ouro, e o segundo diante do suíço Nils Stump (52.º), ambos por ippon.

A competição em Telavive, que teve início na quinta-feira, proporcionou já a Portugal a conquista de uma medalha, com Telma Monteiro (-57 kg) a chegar ao bronze, naquela que foi a sua 12.ª medalha em 12 Europeus.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.