A portuguesa Filipa Martins conseguiu hoje a melhor classificação de sempre da ginástica artística lusa, ao terminar na sétima posição, e com um diploma, o concurso completo dos Mundiais da modalidade, que decorrem no Japão.

Filipa Martins, de 25 anos, somou 52.199 pontos, numa competição ganha por Angelina Melnikova, da Federação de Ginástica da Rússia, que obteve 56.362 pontos, impondo-se às norte-americanas Leanne Wong e Kayla di Celo, segunda e terceira classificadas, respetivamente.

A ginasta portuguesa, a mais velha entre as 24 finalistas em competição, disputa no sábado a final de paralelas assimétricas.

Já ontem a ginasta tinha conseguido um feito inédito: ser a primeira portuguesa a garantir presença numa final por aparelhos em Mundiais de ginástica artística, ao terminar a qualificação do concurso de paralelas assimétricas no oitavo lugar, com 14.133 pontos, depois de ter sido 17.ª classificada no mesmo aparelho nos Jogos Olímpicos Tóquio2020.

As estreantes Maria Mendes e Rafaela Ferreira terminaram a qualificação para o concurso completo nas 39.ª (47.033) e 52.ª (43.698) posições, respetivamente.

Os Mundiais de ginástica artística decorrem até domingo, em Kitakyushu, Japão. Portugal fez-se representar por seis ginastas. Os atletas masculinos competem em seis aparelhos: solo, cavalo com arções, argolas, saltos, paralelas e barra fixa. Portugal fez-se representar por Bernardo Nogueira, Guilherme Campos e José Nogueira, que ficaram fora da final do concurso completo (all-around), mas asseguraram todos o o estatuto de alta competição.

Os 24 melhores do conjunto dos aparelhos, no máximo de dois por país, asseguraram presença no concurso completo, que, ao contrário do que sucede nos Jogos Olímpicos, é disputado apenas na vertente individual.

Recorde a reportagem SAPO Desporto com a ginasta Filipa Martins, originalmente publicada em 2019.

*Artigo atualizado

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.