A queniana Mary Keitany, antiga recordista mundial e quatro vezes vencedora da maratona de Nova Iorque, anunciou hoje o fim da carreira, aos 39 anos, depois de dois anos sem competir devido a uma lesão na anca.

A também três vezes vencedora da maratona de Londres explicou que a lesão a impede de continuar a competir, deixando para trás uma carreira com vários resultados de monta e o recorde mundial em provas femininas, na maratona de Londres de 2017.

A também queniana Brigid Kosgei correu a distância em quase três minutos a menos, em Chicago, em 2019, mas numa prova mista, beneficiando do apoio de dois atletas masculinos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.