Os Mundiais de atletismo de 2023 vão realizar-se em Budapeste, cidade que era a única candidata à organização da competição, anunciou hoje a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF), cujo Conselho Diretivo está reunido em Monte Carlo.

A decisão da IAAF significa que a prova regressará à Europa, seis anos após os Mundiais de Londres2017, uma vez que os campeonatos de 2019 e de 2021 já estão atribuídos, a Doha, no Qatar, e a Eugene, nos Estados Unidos, respetivamente.

A capital da Hungria vai receber pela primeira vez o torneio mundial, depois de já ter sido palco dos Campeonatos da Europa de atletismo, em 1998.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.