A Federação Russa de Atletismo foi hoje notificada da decisão do Conselho de Revisão de Doping da IAAF que revogou o estatuto de Atleta Neutro Autorizado (ANA) concedido ao saltador em altura Danil Lysenko.

A decisão, segundo as informações fornecidas pela Unidade de Integridade no Atletismo (AIU), de suspender provisoriamente o atleta, foi tomada como resultado da falha do russo em fornecer informações sobre o seu paradeiro, conforme exigido pelas Regras e Regulamentos Antidoping da IAAF e disponível para testes fora de competição pela AIU.

Lysenko, de 21 anos, que em 20 de julho saltara 2,40 metros, sendo o 13.º atleta de sempre a passar essa marca, era o principal favorito ao triunfo nos Europeus de Berlim (06 a 12 de agosto), mas fica, assim, impedido de estar na competição.

Desde que a Rússia foi suspensa das grandes competições, alguns atletas russos podem entrar em provas com estatuto de Atleta Neutro Autorizado, competindo sem bandeira, e é a primeira vez que um atleta com esse estatuto o vê revogado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.