A São Silvestre El Corte Inglés, hoje apresentada, disputa-se no sábado nas ruas de Lisboa, com mais de 5.000 atletas inscritos, e a garantia de que "existe espaço" para a sua realização.

Em conferência de imprensa de apresentação da prova, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, na Praça do Município, em Lisboa, o presidente da Federação Portuguesa de Atletismo, Jorge Vieira, não escondeu a satisfação por dar a conhecer mais uma prova São Silvestre, a juntar as várias que já se realizam na Área Metropolitana de Lisboa.

"A importância deste evento, como muitos outros que se realizam pelo país com esta designação, São Silvestre, que é tradicional há muitos anos - o ponto alto da São Silvestre foi, é e continua a ser a São Silvestre de São Paulo -, é a de que hoje temos uma oferta alargadíssima de São Silvestres", constatou.

Jorge Vieira apontou para o grande dia que o atletismo nacional viverá no próximo sábado, no qual terão lugar duas corridas São Silvestre no mesmo dia e ambas com grande aceitação popular, refletida no número de participantes inscritos – a segunda São Silvestre em Lisboa este ano já alcançou os 5.000 participantes confirmados, com as inscrições ainda abertas -, o que lhe deixa a certeza de que "existe espaço" para mais esta corrida na capital portuguesa.

"No dia 31 temos duas São Silvestres: temos esta e, muito próxima, temos a da Amadora. Na realidade estamos a verificar que existe espaço e população para todas elas, porque, se concentrassem todas numa, as inscrições iriam fechar cedo e haveria pessoas em lista de espera", considerou.

A prova conta com vários embaixadores, entre eles os ex-atletas olímpicos Naide Gomes e Francis Obikwelu, assim como Armando Aldegalega, um dos mais antigos corredores ainda em atividade.

Com 85 anos de idade e 70 anos ininterruptos de atletismo, Armando Aldegalega recomendou a participação nesta e em qualquer outra prova atlética.

"Desde que comecei a competir e a treinar nunca mais descurei a minha preparação física e mental. É um orgulho participar, com alegria. Penso que será uma corrida magnífica e mais uma grande competição a realizar-se em Lisboa", anteviu o atleta.

Ao seu lado, Jorge Pina, atleta paraolímpico e também embaixador da competição, partilhava da mesma ideia, convidando toda a população a participar e praticar desporto.

"Não sou clubista, gosto de desporto. E depois de ter perdido a visão apareceu outra paixão: o atletismo. O desporto é a melhor coisa que há, é uma terapia, um ansiolítico, uma droga saudável sem a qual já não consigo passar", testemunhou.

Esta São Silvestre, que terá lugar na manhã de sábado, contará com uma corrida para crianças com 500 metros de percurso, seguida de uma caminhada de cinco quilómetros que antecede a prova de competição, com início marcado para as 10:00.

A corrida principal tem 10 quilómetros, com partida e chegada na Alameda Cardeal Cerejeira, em Lisboa, oferecendo viagens para diferentes destinos como prémio para os vencedores.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.