O base José Barbosa, os extremos Nuno Marçal, Carlos Andrade e Betinho Gomes e o poste Sasa Borovnjak constituem a equipa da década 2010/20 do basquetebol português, anunciou a federação.

Ainda no ativo, José Barbosa, que dividiu a carreira entre a Oliveirense e Ovarense, é um dos cinco atletas com mais de 240 jogos na última década, registando médias de 6,7 pontos, 2,0 ressaltos, 4,6 assistências e 1,6 roubos de bola.

Nuno Marçal foi MVP da Liga em três épocas consecutivas e, em 117 jogos, conseguiu médias de 16,5 pontos, 7,8 ressaltos, 1,5 assistências e 1,2 roubos de bola.

Além de FC Porto, no qual começou em 1992 e regressou posteriormente várias vezes, Oliveirense e Maia Basket Club, o extremo/poste teve experiências em Espanha no Fuenlabrada, Múrcia e Ciudad de Huelva.

Carlos Andrade está no ‘top 20’ de quatro dos cinco itens estatísticos principais, sendo que em 158 jogos conseguiu médias de 10,1 pontos, 5,8 ressaltos, 2,5 assistências e 1,3 roubos de bola.

O atleta representou a Portugal Telecom, FC Porto, Queluz, Benfica e Lobos da Malveira, com o seu percurso a passar pelos Estados Unidos na Universidade de Queens, nos alemães do Francfort Skylines e no Bruesca de Espanha.

Betinho Gomes foi quem menos competiu no campeonato português, nomeadamente 78 desafios, ainda assim atingindo médias de 12,7 pontos, 6,3 ressaltos, 1,5 assistências e 1,2 roubos de bola.

O cabo-verdiano do Benfica iniciou a carreira no Barreirense e depois passou em Espanha pelo Cantábria Lobos e vários anos no Breogán: depois da primeira incursão no Benfica, atuou no BC Andorra e no Trento de Itália, antes de regressar aos ‘encarnados’.

Sasa Borovnjak foi o quinto melhor marcador da década com 2.371 pontos em 146 encontros, somando médias de 16,2 pontos, 6,0 ressaltos e 1,2 assistências.

O sérvio formou-se nos Estados Unidos na universidade Penn State Nittany, atuando em Espanha no Gran Canária e Zornotza, intervalados pelos gregos do Ikaros Serres: chegou a Portugal para jogar no Lusitânia e após uma época esteve quatro ao serviço do FC Porto, rumando agora novamente a Espanha, para o Palência.

Esta equipa foi eleita por votação de 44 personalidades convidadas pela federação, nomeadamente selecionadores nacionais dos vários escalões, jornalistas especializados na modalidade de vários órgãos de comunicação social e comentadores da FPB tv.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.