A grave lesão de Gordon Hayward, dos Boston Celtics, marcou o arranque da Liga norte-americana de basquetebol (NBA) na madrugada de hoje, com o jogador a sofrer uma dupla fratura da tíbia e tornozelo.

Decorria o primeiro período de jogo entre os finalistas da Conferência este na última temporada, quando, em uma disputa de bola com LeBron James, Hayward caiu sobre o seu pé esquerdo e deixou todos consternados na Quicken Loans Arena, em Cleveland.

O regresso de Kyrie Irving a Cleveland, algumas semanas depois de ter trocado os ‘Cavs’ pelos Boston Celtics, ou a ‘estrela’ LeBron James, ficaram para segundo plano, bem como, no final, a vitória da equipa da casa (102-99).

No momento da lesão, os restantes jogadores perceberam a gravidade da mesma, com alguns a rezarem, enquanto as pessoas na assistência colocavam as mãos na cara, e Hayward tinha, literalmente, o pé esquerdo em suspenso.

“É a pior lesão que vi na minha carreira”, disse no final Irving, que ficou prostrado durante longos minutos, abraçado aos colegas enquanto Gordon Hayward era assistido pelos responsáveis médicos.

O extremo, de 27 anos, tinha chegado esta época à formação de Boston, proveniente dos Utah Jazz, com a qual assinou um contrato de 108 milhões de euros por quatro épocas.

Após o jogo, o técnico dos Celtics, Brad Stevens revelou que Hayward sofreu uma dupla fratura, com luxação da tíbia e do tornozelo, e que o seu tempo de paragem é ainda indeterminado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.