James Harden terminou na segunda-feira a longa série de jogos seguidos a marcar 30 ou mais pontos na Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA), ao ficar-se pelos 28 no triunfo dos Houston Rockets sobre os Atlanta Hawks (119-111).

O base dos Rockets, que falhou dez tentativas de lançamento triplo, quebrou a sequência de 32 encontros consecutivos a ‘faturar’ 30 ou mais pontos, a segunda melhor de sempre na NBA, mas ainda muito distante do recorde de 65 jogos seguidos, que pertence ao lendário Wilt Chamberlain.

“Foi bom, mas sabia que não ia chegar ao primeiro lugar desse ranking”, admitiu Harden, que também capturou cinco ressaltos e efetuou quatro assistências frente aos Hawks, impulsionando o quinto classificado da Conferência Oeste para o segundo triunfo consecutivo.

Também na segunda-feira, LeBron James tornou-se o primeiro basquetebolista a figurar no ‘top-10’ da NBA em pontos (quinto lugar) e assistências (décimo), apesar da derrota consentida pelos Los Angeles Lakers na visita ao reduto dos Memphis Grizzlies, por 110-105.

O extremo registou mais um triplo-duplo, à ‘boleia’ de 24 pontos, 12 ressaltos e 11 assistências, mas saiu do jogo com um sabor agridoce, uma vez que os Lakers, 11.ª classificados na Conferência Oeste, somaram a 31.ª derrota da temporada, em 60 jornadas, e estão cada vez mais distantes dos lugares de acesso aos ‘play-offs’.

Outro jogador em destaque na segunda-feira foi o base Devin Booker, que concretizou três triplos e anotou 20 pontos na vitória dos Phoenix Suns sobre os Miami Heat, por 124-121, que permitiu travar o recorde de 17 derrotas consecutivas nesta temporada por parte do ‘lanterna vermelha’ da Conferência Oeste.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.