Sessenta e sete pessoas foram detidas na madrugada de segunda-feira, durante os festejos pela conquista dos LA Lakers, que arrecadaram o 17.º título de campeão da Liga norte-americana de basquetebol (NBA), informou hoje a polícia de Los Angeles.

De acordo com o agente Drake Madison, o porta-voz da polícia de LA, foram detidas 61 pessoas por desobedecerem à ordem de dispersão, cinco por pilhagem e uma por vandalismo, sendo que um agente da autoridade sofreu lesões numa mão.

Assim que terminou o sexto jogo da final da NBA, no qual os Lakers bateram os Miami Heat, em Orlando, os festejos começaram a ecoar por toda a cidade de Los Angeles e várias pessoas dirigiram-se para o pavilhão da equipa californiana, apesar dos pedidos das autoridades para que não houvesse concentrações em massa, devido à pandemia de covid-19.

Embora as celebrações na baixa de Los Angeles tenham sido, na sua maioria, pacíficas, houve quem arremessasse pedras e garrafas à polícia, bem como a alguns jornalistas presentes.

Os Los Angeles Lakers conquistaram no domingo o seu 17.º título de campeões da Liga norte-americana de basquetebol (NBA), igualando o recorde dos Boston Celtics, ao baterem os Miami Heat por 106-93, no sexto jogo da final.

Na 'bolha' de Orlando, para 'fugir' à covid-19, o 'cinco' de Frank Vogel, que ao intervalo já vencia por 64-36, repetiu os triunfos no primeiro jogo (116-98), segundo (124-114) e quarto (102-96). Os Heat venceram terceiro (115-104) e quinto (111-108).

Os Lakers já haviam conquistado o título em 1948/49, 1949/50, 1951/52, 1952/53 e 1953/54, ainda sediados em Minneapolis, e, sediados em LA, em 1971/72, 1979/80, 1981/82, 1984/85, 1986/87, 1987/88, 1999/00, 2000/01, 2001/02, 2008/09 e 2009/10.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.