Justin Thornton morreu esta segunda-feira, vítima de complicações sofridas após ser derrotado por KO num combate de boxe. O norte-americano não resistiu a uma paralisia parcial e uma infeção contraída por lesões na medula espinal, depois de ter sido hospitalizado em agosto.

Na sua primeira luta de boxe, Justin Thornton foi derrotado por KO ao cabo de 19 segundos frente a Dillon Cleckler, no Bare Knuckle Fighting Championship. Sofreu vários ferimentos no combate, o que levou a que fosse hospitalizado.

"Notícia muito triste.  Acabei de saber do falecimento do Justin Thornton. Morreu esta manhã após complicações com as lesões sofridas em resultado do confronto no BKFC 20, em agosto", escreveu Eric Kowal, da MyMMANews, no Twitter.

David Feldman lamentou a morte do lutador: "Esta manhã ficámos muito tristes por saber da morte do nosso lutador Justin Thornton. Juntamo-nos à comunidade dos desportos de combate para prestar condolências à família e amigos", disse o presidente da companhia norte-americana que se dedica a combates sem a utilização de luvas.

Durante vários anos, o lutador de 38 anos esteve na MMA, maioritariamente em promoções regionais. No UFC chegou a enfrentar Chase Sherman e Walt Harris, membros da divisão de pesos-pesados.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.