O ciclista português António Morgado foi hoje segundo classificado na primeira etapa do Giro della Lunigiana, uma corrida para seleções jovens, num dia em que a equipa lusa esteve em bom plano.

Morgado, de 18 anos, só foi batido num ‘sprint’ a quatro pelo polaco Michal Zalazowski, primeiro líder da 46.ª edição da prova, na qual o italiano Simone Gualdi foi terceiro, chegando à meta em 2:18.02 horas, necessárias para percorrer 91,2 quilómetros entre Portofino e La Spezia.

A movimentação decisiva aconteceu nos últimos 25 quilómetros, com um quinteto a formar-se na fase final da corrida, na qual estava António Morgado, “no sítio certo”, descreveu o selecionador nacional.

“Os vários ataques que lançou fizeram com que o grupo ficasse reduzido a apenas cinco corredores e no ‘sprint’ final conseguiu ser segundo”, descreveu José Poeira, citado pela Federação Portuguesa de Ciclismo.

De resto, Tiago Nunes chegou em 14.º, a 1.44 minutos da frente, logo seguido de Daniel Lima, 15.º, e Gonçalo Tavares, 17.º, ambos a 2.02 minutos. O resto da seleção portuguesa, segunda na tabela por equipas, foi chegando mais longe, com José Bicho em 33.º e João Martins em 121.º.

Na sexta-feira, o pelotão enfrenta uma jornada dupla, com uma primeira tirada de 46,8 quilómetros entre Portovenere e Sarzana, plana, e 56,9 quilómetros, com partida e chegada em Massa, com uma contagem de montanha de primeira categoria.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.