O italiano Rinaldo Nocentini (Sporting-Tavira) conquistou hoje a 39.ª edição do Troféu Joaquim Agostinho em bicicleta, resistindo durante os 147 quilómetros da terceira e última etapa, ganha pelo espanhol Gustavo Veloso (W52-FC Porto).

O bicampeão da Volta a Portugal acentuou o domínio ‘azul e branco’ nos triunfos parciais - duas etapas e o prólogo –, ao chegar ao parque eólico da Carvoeira 3:48.41 horas depois de ter partido de Atouguia da Baleia, em Peniche, deixando o francês Guillaume de Almeida (Rádio Popular-Boavista) e o colombiano Aldemar Reyes (Manzana Postobon) a cinco e sete segundos, respetivamente.

Nocentini sagrou-se o vencedor da do Grande Prémio de Torres Vedras – Troféu Joaquim Agostinho, depois de conquistar a camisola amarela na sexta-feira, em Montejunto, deixando o português Hernâni Broco (LA-Antarte) na segunda posição, a 24 segundos, enquanto o seu antecessor, João Benta, não foi além do quarto posto, com os mesmos 26 de atraso do espanhol Raul Alarcón (W52-FC Porto), terceiro.

O italiano assegurou o primeiro triunfo da temporada para os 'leões', reeditando o feito de Américo Silva, que era até hoje o único a vencer a prova que homenageia o melhor corredor português de sempre com a camisola 'verde e branca', em 1987.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.