Após a 19.ª etapa, Rafal Majka, que integrou a fuga do dia, soma mais 104 pontos do que o belga Thomas De Gendt (Lotto Soudal), quando há apenas mais 51 pontos em disputa nas duas últimas tiradas.

“A equipa batalhou durante toda a Volta a França pelas nossas duas camisolas, a minha dos pontos e a verde do [Peter] Sagan. Hoje, estamos seguros de que as conquistámos e isso é uma enorme satisfação”, salientou o polaco, que em 2014 já tinha vestido a emblemática camisola às bolas vermelhas no pódio dos Campos Elísios.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.