A ciclista olímpica portuguesa Maria Martins foi hoje 12.ª classificada na corrida de scratch dos Mundiais de pista, que decorrem até domingo em Saint-Quentin-en-Yvelines, França, estreando a participação portuguesa no primeiro dia de prova.

Bronze nesta disciplina dos Mundiais de 2020, a ciclista de 23 anos acabou hoje fora do ‘top 10’, numa prova em que a italiana Martina Fidanza revalidou o título mundial que tinha conquistado em 2021 com um 'sprint' autoritário.

Fidanza, de 22 anos, somou o segundo ouro mundial da carreira, além de uma prata em perseguição por equipas, também em 2021, ao conseguir, hoje, que a corrida lhe fosse de feição.

O pelotão que discutiu a vitória, numa prova sem outras formas de pontuar, manteve-se junto e a ‘sprinter’ não teve problemas em destacar-se da concorrência, com a neerlandesa Maike van der Duin a ficar com a prata e a britânica Jessica Roberts com o bronze.

Quanto a ‘Tata’ Martins, o posicionamento acabou por impedi-la de ‘saltar’ para os primeiros lugares durante as últimas voltas, num dia em que a campeã europeia da disciplina, a norueguesa Anita Yvonne Stenberg, foi apenas 18.ª.

A ciclista portuguesa ainda voltará à pista em Saint-Quentin-en-Yvelines na sexta-feira, para o concurso do omnium, que agrega as provas de scratch, tempo, eliminação e pontos, e no qual foi a primeira representante de Portugal a participar nuns Jogos Olímpicos no ciclismo de pista, com o sétimo lugar em Tóquio2020.

Na quinta-feira, será Daniela Campos a primeira portuguesa em prova, na corrida de eliminação, pelas 18:57 de Lisboa, seguindo-se Rui Oliveira no scratch, pelas 19:49.

O scratch é uma corrida de 10 quilómetros, para o pelotão feminino (no masculino são 15), e é a mais simples de descrever no que à pista diz respeito: a primeira ciclista a cortar a meta é a vencedora, sem outras formas de pontuar ao longo das 40 voltas.

Portugal está representado em Saint-Quentin-en-Yvelines por Ivo Oliveira, Rui Oliveira, João Matias, Maria Martins e Daniela Campos, num Campeonato do Mundo que decorre até domingo no mesmo velódromo que vai acolher a especialidade nos Jogos Olímpicos Paris2024.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.