O italiano Matteo Trentin, da Quick-Step, venceu hoje o Paris-Tours, última clássica ciclista da época, superando ao 'sprint' dois adversários de uma fuga muito próxima da meta.

Trentin fecha assim da melhor maneira a época, depois do desolador quarto lugar na prova de estrada do Mundial, há duas semanas.

Agora, atacou já nos 10 quilómetros finais, na subida da Beau Soleil, e depois novamente na subida de Epan, no que só foi acompanhado pelo dinamarquês Soren Andersen (Sunweb) e pelo holandês Niki Terpstra (Quick-Step).

Foi creditado em 5:22.51 horas e o pelotão, encabeçado pelo alemão André Greipel (Lotto), entrou sete segundos depois.

O italiano, já vencedor nesta clássica de outono na região do Loire em 2015, mostrou-se perfeito conhecedor do traçado da prova, quase totalmente plana e apenas com aquelas ligeiras subidas no programa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.