A Volta a Portugal foi adiada, conformou a organização em comunicado oficial. A informação já tinha sido confirmada ao SAPO Desporto junto de fonte oficial da organização da prova.

“Com a evolução da pandemia, nos termos propostos na revisão do plano sanitário e tendo em conta as manifestações públicas e particulares de não autorização da passagem e permanência da Volta a Portugal em Bicicleta por diversos municípios integrantes do percurso da prova, as duas entidades concluíram que não se encontram reunidas, por ora, as condições necessárias para a realização da 82ª Volta a Portugal Santander no mês de Agosto”, justificou a Podium Events, em comunicado conjunto com a Federação Portuguesa de Ciclismo.

Na nota, a organização informa que “a Podium e a FPC estão neste momento a equacionar outros cenários e a procurar ativamente encontrar com os seus parceiros uma data alternativa para a realização do evento, ainda em 2020”.

A realização da principal prova velocipédica nacional recebeu ‘luz verde’ da Direção-Geral da Saúde (DGS) e do Governo, atendendo às orientações para a retoma de competições ao ar livre de modalidades individuais e à aprovação do plano sanitário para a prova.

No entanto, a organização decidiu hoje adiar a realização da 82.ª edição da prova, depois de, nos últimos dias, as Câmaras Municipais de Viana do Castelo e Viseu terem anunciado que não receberiam a passagem da corrida nos seus concelhos.

Notando que “a Volta é um incontornável evento nacional” e o motor da “grande modalidade desportiva que é o ciclismo”, a organização e a federação mostram-se convictas de que encontrarão uma alternativa que permita a realização da prova “em melhores condições de saúde e segurança”.

O calendário velocipédico está suspenso desde meados de março, devido à pandemia de COVID-19, e deverá ser retomado em 05 de julho, com uma prova de reabertura em Anadia.

Volta a Portugal em bicicleta com 'luz verde' para ir para a estrada - Governo
Volta a Portugal em bicicleta com 'luz verde' para ir para a estrada - Governo
Ver artigo

A 81.ª Volta a Portugal em Bicicleta tinha inicio marcado para 31 de julho, com um prologo de seis quilómetros em Viseu. A última etapa estava marcada para 11 de agosto, com um contrarrelógio individual entre Vila Nova de Gaia e o Porto.

A pandemia de covid-19 já provocou quase 482 mil mortos e infetou mais de 9,45 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.549 pessoas das 40.415 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

*Artigo originalmente publicado às 16h51
**Última atualização às 20h58 com comunicado oficial da organização

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.