O ciclista português Rui Costa (UAE Emirates) foi hoje 11.º classificado no contrarrelógio dos Europeus de estrada, a decorrer em Plouay, França, num exercício ganho pelo suíço Stefan Küng (Groupama-FDJ).

Com um tempo de 32.32 minutos, o português, que tinha sido segundo na especialidade nos Nacionais, ficou muito perto do ‘top 10' na prova individual de elite masculina, gastando apenas mais 11 segundos para cumprir os 25,6 quilómetros do que o 10.º classificado, o francês Anthony Roux (Groupama-FDJ).

O outro luso em prova, Rafael Reis (Feirense), acabou por sofrer uma avaria nas mudanças, logo no arranque da prova, e teve de parar, prejudicando o resultado final, um 20.º lugar, entre 27 corredores, a 3.22 minutos do vencedor, Küng, que cumpriu o traçado em 30.18.

O suíço sucede ao belga Remco Evenepoel como campeão europeu, batendo o francês Rémi Cavagna (Deceuninck-QuickStep), que foi segundo a 17 segundos, e o belga Victor Campenaerts (NTT), bicampeão da Europa em 2017 e 2018, que hoje foi terceiro a 21.

A campeã holandesa de fundo Anna van der Breggen (Boels Dolmans) ganhou hoje o ‘crono' da elite feminina nos Europeus, ao bater a concorrência da compatriota Ellen van Dijk (Trek Segafredo), segunda, e da suíça Marlen Russer (Paule Ka), terceira.

O norueguês Andreas Leknessund (Uno-X) venceu a prova sub-23, escalão em que Hannah Ludwig (Canyon SRAM) ganhou nos femininos, e o checo Matthias Vacek sagrou-se campeão de juniores.

Nas juniores femininas, destaque para o nono lugar de Daniela Campos, de manhã, a 2.24 minutos da vencedora, Elise Uijen, melhorando em muito o 26.º lugar que havia conseguido em 2019.

Sem provas na terça-feira, os Europeus de estrada voltam à ação na quarta-feira, com a corrida de fundo para elites masculinas, que se disputa num circuito de 13 voltas em Plouay, num total de 177,45 quilómetros, a desafiar Rui Costa, Rui Oliveira e Ivo Oliveira (UAE Emirates), Rafael Reis, Rafael Silva (Efapel) e Rúben Guerreiro (Education First), os eleitos lusos para a prova.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.