O português, que se transferiu no início do ano da Lampre-Mérida, chega à primeira das três grandes voltas em boa forma, evidenciada no início da época ao vencer a geral da Volta a Abu Dhabi e ao acabar em segundo a Volta a Omã.

Em declarações ao sítio oficial da prova na Internet, o povoense, de 30 anos, disse estar “duplamente feliz por participar” numa corrida que caracteriza como “fantástica e num país lindo”.

“É muito entusiasmante ter a oportunidade de correr na centésima edição”, acrescentou Rui Costa, que se vai estrear no ‘Giro’ depois de vários anos a correr a Volta a França.

Dos nove ciclistas inscritos da UAE Emirates, seis são italianos, com o ‘sprinter’ Sacha Modolo como maior destaque, num elenco cujo objetivo será procurar somar várias vitórias em etapa, com Rui Costa nas etapas mais exigentes e de montanha e Modolo, que venceu duas etapas da prova em 2015, para ‘atacar’ as chegadas ao ‘sprint’.

Entre as ausências na formação dos Emirados Árabes Unidos, destaque para o italiano Diego Ulissi, que assim deverá preparar-se para liderar a equipa na Volta a França.

Rui Costa, campeão do mundo de estrada em 2013, fará a estreia na Volta a Itália e terá no pelotão, cuja lista completa de inscritos ainda não foi confirmada, a presença de José Mendes, igualmente confirmado pela Bora-Hansgrohe para a prova italiana, onde o vimaranense, de 32 anos, também participa pela primeira vez.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.