Rui Costa (UAE Emirates) antecipou hoje uma “prova complicada” na corrida de fundo dos Nacionais de ciclismo de estrada no domingo, assegurando vontade de "lutar pelo título nacional" da categoria.

O experiente corredor, que hoje participou no contrarrelógio de elites, no qual conseguiu o segundo melhor tempo, atrás do companheiro de formação Ivo Oliveira, lembrou que há equipas melhor apetrechadas para discutirem o título.

"É uma prova sempre complicada, vai ser difícil fazer frente a outros corredores que têm equipas com mais elementos. Mas vamos mentalizados para lutar e fazer o melhor corrida possível. Mesmo sabendo que será difícil, o nosso objetivo é sempre conseguir a camisola de campeão", disse Rui Costa, que terá apoio dos irmãos Ivo e Rui Oliveira, ambos da UAE Emirates.

Rui Costa, que este ano já venceu a Prova de Reabertura, em Sangalhos, e recentemente esteve na Volta à Polónia, mostrou a satisfação pela retoma das competições da modalidade, considerando que "podem salvar uma época que muitos achavam estar perdida.

"Todas as provas a partir de agora são importantes e serão encaradas da melhor forma. Na Volta a Polónia ainda não tive as melhores sensações, mas o resultado foi agradável. Os objetivos passam agora por estes campeonatos nacionais, depois vou para uma corrida em França, e seguir veremos quais as provas que vão acontecer", disse Rui Costa, em declarações à agência Lusa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.