No pavilhão da Luz encontravam-se, este sábado, duas equipas que tinham iniciado o campeonato com uma vitória e portanto partilhavam os mesmos três pontos. E por aí ficaram as semelhanças entre as duas formações porque que com o decorrer do encontro ficaram patentes as devidas distâncias. Só na segunda parte, os Leões de Porto Salvo “morderam” os calcanhares aos encarnados, mas estes depressa se refizeram do susto.

O placard foi inaugurado pelo recém-regressado de lesão, Joel Queirós, à passagem do primeiro minuto. Marinho viria a aumentar a vantagem pouco depois (10’), resultado que se registou ao intervalo.

Na segunda metade, Davi fez o 3-0 e os adeptos no pavilhão da Luz já sorriam perante o resultado que se começava a adivinhar, mas a equipa de Ricardo Lobão não baixou os braços. Jota (25’) e Vitor Hugo (27’) meteram o resultado em 3-2 e meteram em sentido os pupilos de Paulo Fernandes.

Um pedido de desconto de tempo dos encarnados e tudo regressou à normalidade, com Arnaldo (29’), Joel novamente (32’) e Dentinho (40’) a dilatarem o resultado e a darem ao Benfica mais três pontos no final do encontro.

Neste momento, o Benfica lidera o campeonato com seis pontos. O Sporting, seu principal adversário, só no domingo entra em campo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.