O autor do golo da inédita vitória da seleção portuguesa de futsal na final do Europeu, Bruno Coelho, realçou hoje a importância coletiva do triunfo frente à Espanha, por 3-2, após prolongamento.

"O mais importante é a vitória da equipa. Estou feliz por ter contribuído com os golos, mas realço a crença da equipa. Temos uma responsabilidade enorme a partir de agora. Somos os campeões da Europa e as equipas que jogarem contra nós vão dar o máximo", afirmou o jogador do Benfica, em declarações à RTP.

Bruno Coelho marcou o golo que valeu o prolongamento à equipa das 'quinas', aos 39 minutos, e sentenciou a final, aos 50, na conversão de um livre direto, depois de um susto durante o tempo regulamentar.

"Aleijei-me na primeira parte e fiquei a sofrer porque pensei que não conseguiria voltar ao jogo. Consegui voltar e fiz o golo do empate. Esta conquista só mostra a união desta equipa. Todos juntos conseguimos demonstrar que temos uma excelente seleção e não é por acaso que este título surge agora", referiu.

Portugal sucedeu à Espanha no historial da competição, conquistando primeira vez o título de campeão europeu de futsal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.