O Presidente da República fez dois testes PCR à presença do SARS-CoV-2 durante a semana, um deles hoje, com resultados negativos, foi hoje anunciado, na sequência das notícias sobre elementos da seleção nacional de futsal que estão infetados.

De acordo com fonte oficial da Presidência da República, a cerimónia de homenagem em Belém aos jogadores da seleção nacional de futsal, campeões do mundo, na segunda-feira, “decorreu ao ar livre” e o chefe de Estado “esteve sempre de máscara, exceto no momento” em que discursou.

“O Presidente da República continua a efetuar testes regularmente, tendo os dois últimos testes PCR, de terça-feira e hoje, sido negativos”, acrescentou a mesma fonte.

De acordo com o Correio da Manhã, o selecionador nacional de futsal, Jorge Braz, o diretor da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que coordena a modalidade, Pedro Dias, e um jogador estão infetados.

Os resultados positivos surgiram depois de um teste feito em Portugal, depois da vitória frente à Argentina.

No momento da homenagem em Belém, prossegue o diário, a comitiva tinha um teste PCR com resultado negativo feito há menos de 24 horas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.