“Foi um jogo equilibrado. Com duas selecções que estão entre as cinco melhores do mundo, não podia ser diferente. Nós, no detalhe, ganhámos o jogo. Talvez o empate fosse o resultado mais justo, mas a qualidade dos jogadores brasileiros na hora de decidir foi superior. Isso fez a diferença”, disse Marcos Sorato em conferência de imprensa.

O técnico lembrou que a ausência de dois jogadores importantes na selecção portuguesa poderá ter influenciado a exibição da equipa: "Talvez se tivessem o Joel e o Ricardinho, que são jogadores de qualidade, o resultado tivesse sido outro".

Estes dois jogos serviram para Portugal preparar o Europeu de futsal que se joga em Janeiro na Hungria. O técnico brasileiro aproveitou para dar, desde já, o seu apoio à equipa das quinas na prova internacional: “Com certeza. Apesar da minha formação desportiva ter acontecido na Espanha, simpatizo muito com o Orlando. Vou estar a torcer por eles. Talvez possamos estar aqui em Janeiro para um novo teste. Para nós é sempre um prazer poder estar em Portugal”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.