Os 14 jogadores convocados pelo selecionador português de futsal, Jorge Braz, para a Ronda de Elite concentraram-se no domingo na Póvoa de Varzim, onde vão disputar esta fase de qualificação para o Mundial de 2020.

Em comunicado, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) deu conta do início do estágio, o segundo, depois de cinco dias em Rio Maior, tendo em vista os embates com Bielorrússia, na quinta-feira, Finlândia, na sexta, e Itália, no domingo.

O ala Ricardinho e o guarda-redes Edu estiveram ausentes da concentração na cidade ribatejana, mas o guardião dos espanhóis do Viña Albali Valdepeñas atestou a motivação do grupo nacional.

"Portugal é campeão europeu, mas é preciso demonstrar em todos os momentos o porquê de termos alguns dos melhores jogadores da Europa e do mundo. Este é um grupo espetacular e com grande qualidade. O espírito de conquista é muito grande e penso que estão reunidas as condições para conseguirmos o apuramento para o Mundial, mas temos de encarar cada jogo como se fosse o último”, afirmou Edu, citado pela FPF.

O guarda-redes conta duas internacionalizações, em dezembro último, nas vitórias por 2-1 e 4-3, nos jogos particulares disputados em França, frente à seleção gaulesa.

“Fiquei muito satisfeito com a estreia. Foi um sonho realizado, mas agora claro que me quero estrear em jogos oficiais e em solo português. O ‘mister’ confiou em mim para esta etapa extremamente difícil e quero dar uma boa resposta em tudo o que for necessário para ajudar o nosso país a estar no Mundial. Para mim é um orgulho estar na lista de convocados para a Ronda de Elite”, sublinhou.

Portugal, campeão da Europa, vai estrear-se na quinta-feira, frente à Bielorrússia, sendo nesse encontro que os jogadores devem pensar, segundo Edu.

“Vamos começar com a Bielorrússia e é nesse jogo que temos de pensar neste momento. O primeiro jogo é muito importante. A Bielorrússia evoluiu muito. Empatou com a Itália e só ficou em segundo por ter menos um golo um golo marcado que os italianos”, frisou o guarda-redes.

Qualificam-se para o Mundial, que vai ser disputado na Lituânia, entre 12 de setembro e 04 de outubro, os primeiros classificados dos quatro grupos da Ronda de Elite, e os vencedores dos 'play-offs' a disputar entre os quatro segundos classificados.

Portugal procura a sua sexta participação consecutiva num Mundial, depois das presenças em 2000 (Guatemala), 2004 (Taiwan), Brasil (2008), Tailândia (2012) e Colômbia (2016), sendo que o melhor resultado ocorreu precisamente na primeira participação, com um terceiro lugar na Guatemala.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.