A campeã Oliveirense vai defrontar o finalista Benfica e o FC Porto o Óquei de Barcelos, na ‘final four’ da Taça de Portugal de hóquei em patins, ditou o sorteio realizado em Paredes, palco da prova.

Após dois anos de interregno da competição, devido à pandemia de covid-19, a Taça de Portugal está de regresso e junta numa das meias-finais, em Paredes, no dia 08 de abril, às 20:00, os dois últimos finalistas da prova: Benfica e Oliveirense, vencedora em título do troféu conquistado em 2018/19, por 5-2.

“Queremos levar a Taça para Oliveira de Azeméis e acredito que, com os jogadores a 100%, recuperados de lesões e da covid-19 (o que nos tem enfraquecido um bocadinho), podemos mostrar uma versão diferente e sermos mais competitivos”, disse Avelino Bastos, diretor da Oliveirense, em declarações à agência Lusa.

Para poder continuar a defender o título, a formação de Oliveira de Azeméis, com quatro Taças de Portugal no seu palmarés, terá de ultrapassar o Benfica, a segunda equipa com mais troféus conquistados (15 contra 17 do recordista FC Porto).

 “Prevê-se que sejam jogos muito intensos e de elevadíssimo nível. O Benfica tem tido um desempenho evolutivo, tem apresentado um bom nível e acredito que o coletivo e o valor individual possa fazer a diferença a nosso favor”, referiu, por sua vez, Valter Neves.

 O ‘team manager’ do Benfica enalteceu à Lusa o regresso da competição e, afastando qualquer sentimento de vingança, lembrou que “as condições são hoje bem distintas” das da última final, sublinhando que “muita coisa mudou desde então”.

O vencedor do encontro entre Oliveirense e Benfica irá defrontar na final um dos dois primeiros classificados no campeonato. O FC Porto, que é líder, e o Óquei de Barcelos, segundo, defrontam-se na outra meia final, também na sexta-feira, dia 08, às 17:00.

“Neste tipo de competição, totalmente diferente da prova de regularidade que é o campeonato, não há favoritos. O FC Porto entra em qualquer competição para ganhar, temos um naipe de excelentes jogadores e um grande treinador e, para nós, é fundamental ganhar o primeiro jogo”, disse Eurico Pinto, diretor do FC Porto, à Lusa.

O dirigente portista disse ainda sentir a equipa hoje “mais capaz” relativamente ao jogo da Elite Cup, perdida precisamente para a formação de Barcelos, por 6-3, em 12 de setembro de 2021.

“Quem chega aqui, a esta fase decisiva, tem de estar moralizado e, olhando à nossa história, estamos preparados. A Taça de Portugal é um objetivo traçado no início da época e o nosso trunfo, a meu ver, é sermos nós próprios. Sem mais, nem menos”, disse, por sua vez, Gaspar Emílio, diretor do Óquei de Barcelos.

A ‘final four’ da Taça de Portugal de hóquei em patins, cujo sorteio foi hoje realizado, será disputado no pavilhão Multiusos de Paredes, no segundo fim de semana de abril. A final da prova realiza-se no sábado, dia 09, às 17:00.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.