O Governo felicitou hoje a seleção portuguesa de hóquei em patins pelo título europeu, conquistado no sábado, em Oliveira de Azeméis, considerando-o “uma justa recompensa para a dedicação e tenacidade dos atletas e dirigentes”.

“Esta vitória é, pois, uma justa recompensa para a dedicação e para a tenacidade dos atletas e dirigentes – num ano de grandes conquistas também ao nível dos clubes - e um justo prémio para os muitos portugueses que sempre trazem o hóquei em patins no seu coração”, pode ler-se, em comunicado assinado pelo ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e pelo secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo.

Os governantes sublinham ainda a circunstância de Portugal estar a “viver momentos felizes no desporto”, que “celebram a entrega, o trabalho, o mérito, o talento e a superação” de que os portugueses são capazes.

No sábado, também o primeiro-ministro António Costa felicitou a seleção portuguesa de hóquei em patins, escrevendo na sua conta da rede social Twitter: “Portugal continua a demonstrar o seu talento. Campeões da Europa de Hóquei em Patins. Parabéns à Federação Portuguesa de Patinagem, parabéns a Portugal”.

Portugal sagrou-se no sábado, pela 21.ª vez, campeão europeu de hóquei em patins, ao vencer na final a Itália por 6-2.

A seleção lusa já não conquistava um Europeu há 18 anos, depois do título em Paços de Ferreira, e continua a dominar o historial da prova, 21, contra os 16 da Espanha, terceira classificada em Oliveira de Azeméis.

Hoje o secretário de Estado da Juventude e do Desporto felicitou também o ciclista português Ivo Oliveira, que na semana passada se sagrou vice-campeão da Europa de perseguição e conquistou a medalha de bronze em omnium, nos Europeus de pista de sub-23, em Montichiari, na Itália.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.