O treinador de hóquei em patins do FC Porto, Guillem Cabestany, fez esta sexta-feira a antevisão ao encontro com o Lérida para as 'meias-finais' e afirmou que o objetivo dos ‘dragões’ é conquistar a Taça Continental, mas espera um adversário “consolidado”, que dificultará o trabalho do FC Porto.

“Queremos ganhar a Taça Continental. O Lérida tem muitas alterações no plantel, mas conseguem ter sempre um patamar muito alto. É uma equipa altamente consolidada e amanhã (sábado) vão tentar impedir as nossas transições e quebrar o ritmo. Têm boas individualidades e vai ser um jogo que se vai decidir no fim, espero que a nosso favor”, avaliou.

O treinador espanhol, de 43 anos, analisou também o que espera da equipa portista neste torneio de início de temporada, com várias mudanças no plantel, que, assegurou, mantêm a competitividade e trazem motivação para disputar mais uma final europeia.

“Tivemos quatro alterações no plantel. Temos uma equipa competente na mesma e, no futuro, teremos um FC Porto ainda melhor. Os jogadores novos têm de se adaptar, mas trazem novas ambições, o que é positivo. Queremos jogar mais uma final europeia”, sublinhou.

O ‘timoneiro’ do Lérida, Albert Folguera, definiu o FC Porto como “uma equipa lutadora”, mas quer dificultar o trabalho aos ‘dragões’.

“O FC Porto é uma equipa muito lutadora, que sai em transições e contra-ataques e que gosta de colocar intensidade nos jogos. Somos um clube modesto e humilde e vamos tentar competir da melhor maneira que soubermos, para dificultar as coisas ao FC Porto”, apontou.

FC Porto e Lérida enfrentam-se na primeira meia-final da Taça Continental, este sábado, às 13:00, com Sporting e Sarzana a disputarem o segundo jogo no mesmo dia, às 16:00. A final está marcada para domingo, às 16:00, com os jogos todos a terem lugar no pavilhão João Rocha, em Lisboa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.