O Oliveirense garantiu hoje um lugar na final da Taça Continental de hóquei em patins depois de vencer nas meias-finais o Óquei de Barcelos, por 4-2, após prolongamento, em jogo disputado em Viareggio, Itália.

A partida, bastante equilibrada e emocionante, chegou ao final do tempo regulamentar com um empate a dois golos, espelhando na perfeição a ambição das duas equipas portuguesas em chegarem à final da prova europeia. No entanto, e no momento decisivo, valeu a experiência da equipa liderada por Tó Neves.

A Oliveirense chegou ao golo muito cedo, logo aos 02 minutos, através de uma grande penalidade que Jordi Bargalló não desperdiçou.

Os vice-campeões europeus davam provas de competência capaz de os fazer seguir em frente, no entanto o Óquei de Barcelos respondeu da melhor forma. Ainda antes do intervalo, Mário Rodrigues empatou o encontro.

No segundo tempo, a Oliveirense aproveitou uma oportunidade de se colocar pela primeira vez na frente do marcador quando Rúben Sousa foi chamado a marcar uma grande penalidade.

O resultado manteve-se com a vantagem da formação de Oliveira de Azeméis, até que, no último minuto, João Sousa repôs a igualdade e forçou o prolongamento.

Nesse período, a equipa comandada por Tó Neves foi superior conseguindo marcar dois golos sem qualquer resposta do adversário, carimbando nesse modo um lugar na final da prova.

O adversário da Oliveirense será o vencedor do encontro da outra meia-final, que opõe hoje o anfitrião Viareggio e o Réus, de Espanha.

Jogo disputado no Pavilhão do Viareggio, em Itália.

Óquei de Barcelos - Oliveirense, 2-2 (2-4 após prolongamento).

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

0-1, Jordi Bargalló, 02 minutos (grande penalidade).

1-1, Mário Rodrigues, 19.

2-1, Rúben Sousa, 39 (grande penalidade).

2-2, João Souto, 49.

Sob a arbitragem da dupla espanhola Josep Antoni Ribó e Ivan Gonzalez, as equipas alinharam:

- Óquei de Barcelos: Ricardo Silva, José Pereira, João Almeida, Rúben Sousa e Hugo Costa. Jogaram ainda: Joca, Afonso Lima, Mário Rodrigues.

Treinador: Paulo Pereira.

- Oliveirense: Xavier Puigbi, Tiago Oliveira, Jordi Bargalló, João Souto e Ricardo Barreiros. Jogaram ainda: Jepi Selva, Nuno Araújo, Jordi Burgaya.

Treinador: Tó Neves.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.