O Conselho de Disciplina (CD) da Federação de Patinagem de Portugal (FPP) decidiu, esta segunda-feira, punir o Porto Santo com falta de comparência e uma derrota por 10-0, devido à utilização irregular de um jogador.

De acordo com um comunicado da CD, o guarda-redes David Arellano foi utilizado de forma irregular no encontro com o Candelária, no sábado passado, em jogo da primeira jornada I divisão.

O certificado internacional do espanhol, contratado ao Villanova, ainda não tinha chegado quando o jogador foi utilizado.

O guardião havia sido preponderante para a vitória do Porto Santo sobre a equipa açoriana por 5-2, resultado que fica sem efeito.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.