O português José de Sousa venceu hoje o 15.º evento do Players Championship 2021 de dardos, o segundo consecutivo na ‘Super Series 4’ deste ano, que se realiza em Milton Keynes, arredores de Londres.

Após conquistar, na terça-feira, o seu segundo título no historial da competição da Professional Darts Corporation (PCD), o português entrou num restrito lote de jogadores com triunfos em torneios consecutivos e soma agora três troféus do Players Championship.

Pelo caminho, estabeleceu ainda um novo recorde de 34 pontuações de 180 num só dia da competição, pulverizando o anterior máximo de 32, que pertencia a Peter Wright.

Sousa venceu Ryan Searle na final, por 8-7, mostrando ‘nervos de aço’ para consumar uma recuperação depois de estar a perder por 7-5 e de o inglês desperdiçar uma ‘seta de jogo’ quando o resultado se encontrava em 7-6.

“Sabe muito bem repetir o título. É algo que não esperava, de todo. O Ryan [Searle] jogou muito bem, mas falhou no final e eu castiguei. Não fico feliz quando estas coisas acontecem, mas é o jogo”, comentou José de Sousa em declarações à transmissão da PDC.

Antes, o jogador da Chamusca tinha vencido Jonn Worsley (6-3), Rowby-John Rodriguez (6-1), Kevin Doets (6-2), Jeff Smith (6-3), Jonny Clayton (6-5), e Rob Cross (7-2).

Foram dois dias consecutivos sem perder qualquer jogo em Milton Keynes, mas o português negou que os outros jogadores tenham receio de o enfrentar.

“Não diria que têm medo de mim, mas sim que me respeitam como jogador. Trabalhei muito no último ano, treinei muitas horas todos os dias e continuo a trabalhar para tornar o meu jogo mais sólido. Acredito que estou no topo, e aí a solidez do jogo é o que faz a diferença”, analisou.

O triunfo obtido hoje por José de Sousa corresponde ao sétimo título do português em torneios da PDC.

No Players Championship, venceu os eventos de Barnsley e Dubin, em 2019, além de Frankfurt e duas vezes consecutivas Milton Keynes, já neste ano.

Pelo meio, venceu o European Darts Grand Prix, em outubro de 2020, e no mês seguinte tornou-se no primeiro estreante a vencer o Grand Slam da PDC.

José de Sousa é atualmente o 11.º classificado da Ordem de Mérito da PDC, 'ranking' mundial que classifica as prestações dos jogadores nos últimos dois anos.

Na Ordem de Mérito do Pro Tour, que classifica apenas os últimos 12 meses, Sousa segue em segundo lugar, a apenas 8 mil libras de Joe Cullen.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.