O belga Thierry Neuville (Hyundai) é o primeiro líder do Rali de Monte Carlo, primeira prova do Campeonato do Mundo de ralis de 2020, ao concluir as duas primeiras especiais com 19,1 segundos de vantagem.

Neuville cumpriu os dois primeiros troços da prova em 26.23,5 minutos, menos 19,1 segundos do que o francês Sebastien Ogier (Toyota), enquanto o estónio Ott Tanak (Hyundai), campeão em título, foi o terceiro mais rápido, a 25,1 segundos.

Ogier, seis vezes campeão mundial, entrou bem e venceu a primeira especial, mas Neuville efetuou um tempo 'canhão' na segunda, o que lhe permitiu ganhar uma vantagem apreciável ao fim de duas especiais.

Disputadas ao cair da noite, as duas primeiras especiais, das 16 que compõem o rali até domingo, não tinham muita neve, mas as mantas de gelo tornaram a condução difícil.

"Estava muito difícil", sublinhou Neuville, enquanto o seu companheiro de equipa Tanak se queixou dos fumos lançados pelos espetadores.

Já Ogier, que procura uma oitava vitória - sétima consecutiva - neste rali, referiu que podia ter ido mais rápido, mas "o rali ainda agora começou".

O Rali de Monte Carlo prossegue na sexta-feira, dia em que vão ser cumpridas seis provas especiais de classificação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.