O francês Stéphane Peterhansel (Mini), navegado por Paulo Fiúza, venceu uma etapa do Rali Dakar de todo-o-terreno pela quarta vez este ano e aproximou-se ainda mais da liderança do espanhol Carlos Sainz (Mini).

Peterhansel cumpriu os 379 quilómetros da especial cronometrada da nona entre Shubaytah e Haradh, 11.ª de 12 etapas, em 4:14.11 horas, vencendo com uma vantagem de 10 segundos sobre o catari NAsser Al-Attiyah (Toyota).

Carlos Sainz foi o terceiro, cedendo 8.03 minutos pelo facto de ter de abrir a pista.

Com estes resultados, Sainz mantém a liderança, agora com 10.17 minutos de vantagem sobre Al-Attiyah, que mantém o segundo lugar por apenas seis segundos sobre Peterhansel e Fiúza.

A 42.ª edição do Rali Dakar termina esta sexta-feira, com a última especial a ligar Haradh a Qiddiya, com 447 quilómetros, 374 deles cronometrados.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.