A equipa do italiano Valentino Rossi que vai competir no Mundial de MotoGP a partir de 2022 com motas Ducati, anunciou hoje a Aramco Racing Team VR46.

A VR46 Racers Academy foi fundada por Rossi em 2013, para dar oportunidade a alguns dos jovens valores italianos, como Franco Morbidelli (agora na Yamaha), Francesco Bagnaia (na Ducati) ou Luca Marini (meio irmão de Valentino Rossi, que ascendeu este ano a MotoGP com a Ducati Avintia).

A Aramco Racing Team VR46 terá como principal patrocinador a empresa de produtos petrolíferos saudita Petronas.

Valentino Rossi, de 42 anos, vai decide após a pausa de verão no campeonato a continuidade da sua carreira como piloto, na qual conquistou nove títulos mundiais, sete deles na categoria rainha (primeiro, a 500cc e, depois, MotoGP).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.