O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) foi hoje o mais rápido nas duas primeiras sessões de treinos livres para o Grande Prémio da Áustria de Fórmula 1, no circuito Red Bull Ring, em Spielberg, nesta que é a primeira prova da temporada cujo início foi atrasado devido à pandemia de covid-19.

Hamilton estabeleceu o melhor tempo do dia na segunda sessão, fazendo a melhor volta em 1.04,304 minutos.

O finlandês Valtteri Bottas, noutro Mercedes, foi o segundo mais rápido nas duas sessões, ficando a 197 milésimos de segundo do seu companheiro de equipa.

A surpresa foi o terceiro lugar do mexicano Sérgio Pérez, num Racing Point equipado com motores Mercedes e com um desenho muito semelhante ao carro com a que equipa germânica foi campeão em 2019. Pérez ficou a 641 milésimos de Hamilton.

O alemão Sébastian Vettel (Ferrari) foi o quarto mais rápido, a 657 milésimos, seguido do australiano Daniel Ricciardo (Renault), que ficou em quinto, a 668 milésimos.

Os dois pilotos estão de saída das respetivas equipas no final da presente temporada. Ricciardo rumará à McLaren enquanto Vettel procura ainda um lugar para a próxima época.

Este regresso da Fórmula 1 tem sido marcado pelas medidas de proteção da covid-19, com o uso generalizado de máscaras e a distância de segurança bem visível, por exemplo, nas entrevistas.

O circuito austríaco, propriedade da Red Bull, não receberá espetadores.

Lewis Hamilton parte para esta temporada com a possibilidade de conquistar o sétimo título mundial da sua carreira, igualando, assim, o feito conseguido apenas pelo alemão Michael Schumacher (1994, 1995, 2001, 2002, 2003 e 2004).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.