O tricampeão do mundo de ralis Sébastien Ogier (Volkswagen) arrancou da melhor maneira a edição de 2016 do mundial, ao vencer este domingo o Rali de Monte Carlo, prova inaugural do campeonato.

Claro favorito a revalidar o cetro mundial, Ogier conquistou a terceira vitória consecutiva no principado e quarta no total, depois do triunfo em 2009 no Campeonato Internacional de Ralis (IRC).

Ogier entrou para os últimos 45 quilómetros do rali sem qualquer pressão, detendo quase dois minutos de vantagem para o segundo, o norueguês Andreas Mikkelsen (Volkswagen), que distava 12 segundos do terceiro, o belga Thierry Neuville (Hyundai).

Sem a oposição dos seus principais rivais na luta pela vitória, o britânico Kris Meeke (Citroen) e o finlandês Jari-Matti Latvala, seu companheiro de equipa, que abandonaram no sábado, Ogier pôde gerir o seu andamento nas três últimas especiais do rali.

Apesar de poder gerir o seu andamento, Ogier aproveitou ainda para vencer a 'power stage', que atribui três pontos ao vencedor, arrancando assim o campeonato na liderança com 28 pontos (25 da vitória no rali, mais os três da 'power stage').

O pódio ficou completo com Mikkelsen na segunda posição e Neuville na terceira, tendo o belga sofrido ainda um susto na fase final, quando um problema de transmissão quase o obrigava a abandinar, mas o belga acabou por perder apenas um minuto e conservou a terceira posição no final.

Às portas do pódio ficou o norueguês Mads Ostberg (Ford), quarto, e o francês Stéphane Lefebre (Citroen).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.