A ‘guerra’ entre Lewis Hamilton e Nico Rosberg continua a dar que falar no mundo da Fórmula 1. Depois de Hamilton ter dado a entender que havia falta de confiança entre os dois corredores da Mercedes e que, da parte dele, havia desconfiança para com Rosberg, os pilotos da Fórmula 1 comentaram a situação dos pilotos da equipa germânica.

Em causa está o toque entre os dois carros no último Grande Prémio da Bélgica. Os dois pilotos estavam na frente da corrida em disputa pela primeira posição. O excesso de competitividade levou a um toque entre os monolugares que custou a primeira posição à equipa da Mercedes.

Esta situação piorou as já más relações entre os dois candidatos a campeão do mundo de Fórmula 1. Por enquanto, Nico Rosberg segue na frente com 220 pontos e Hamilton está a apenas a 29 pontos. O pódio é fechado por Daniel Ricciardo da Red Bull Renault com 156 pontos.

Com o Grande Prémio de Itália cada vez mais perto (a luz verde é dada no próximo domingo), a situação na Mercedes foi comentada por alguns pilotos da F1. Fernando Alonso e Sebastien Vettel falaram em defesa de Rosberg relativamente ao toque no Grande Prémio da Bélgica.

Apesar de darem razão ao alemão, ambos concordaram que se tratou de um incidente de corrida. O arranque do Grande Prémio de Itália está marcado para dia 7 de setembro. A prova italiana é a 13º prova do campeonato, ficando a faltar apenas seis provas até ao final do campeonato.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.